email001

Certamente após ler o título do post, o que veio em sua mente foi uma associação ao poder positivo do e-mail marketing. Mas existe também o lado negativo desta estratégia, que quando é utilizada de forma errada, pode prejudicar muito a sua marca.

Até alguns anos atrás, era comum a compra de listas de e-mails e o disparo de propagandas aleatórias oferecendo produtos, serviços e conteúdo em geral. Durante pouquíssimo tempo, a estratégia até funcionou, mas assim que começou a se espalhar e prejudicar a vida dos internautas, rapidamente os servidores tomaram medidas técnicas que impedissem à prática e hoje em determinados casos pode até ser considerado crime.

A atividade de uma forma geral, não foi encerrada, muito pelo contrário, é uma das que mais oferecem resultados atualmente. A grande diferença é agora a aplicação da mesma: é inteligente e não invasiva. Como assim?

Basicamente só recebem mensagens sobre determinados conteúdos, produtos e marcas, internautas que solicitaram isso. Sim! Existe pessoas que querem saber mais sobre seus produtos ou serviços.

É claro que existe uma engenharia por trás disso tudo. Afinal nenhum consumidor vai ficar por aí solicitando que enviem propaganda para ele, não é mesmo?

A base para que essa lista de interessados seja formada, parte dos princípios do marketing de conteúdo, onde por meio de variadas fontes de informações úteis, o consumidor sinta-se atraído e interessado em saber mais sobre o que você tem a oferecer. Caso ainda não tenha visto, vale uma passadinha nos artigos sobre marketing de conteúdo e copywriting em nosso blog (deixe aberto em uma nova aba para continuar aqui).

É importante ressaltar também que o assinante de sua lista precisa ter uma forma de sair da mesma automaticamente e no momento que ele quiser. Dessa forma não pode ser configurado SPAM, afinal ele entrou porque se interessou e tem a opção de sair de forma independente.

Mensagens em massa, (mesmo que solicitadas pelos internautas), precisam ser enviadas por servidores especializados no serviço. Nestes servidores, atualmente, todas as necessidades básicas, como o sistema de descadastro, padrões para formatação de uma mensagem e opções de automatização, estão inclusivas em todos os pacotes.

Em resumo, os passos que você deve saber e estudar são;

  1. Não compre lista ou envie mensagens para quem não pediu;
  2. Busque a melhor forma de aplicar o marketing de conteúdo/ relacionamento em sua marca;
  3. Contrate um serviço especializado para garantir que suas mensagens sejam enviadas seguindo diretrizes básicas;
  4. Não economize na qualidade do conteúdo e relacionamento das mensagens, o foco é aumentar a lista e converter os assinantes atuais em compradores.

Esse é um caminho básico que mostra o “esqueleto” dessa estratégia fascinante e que oferece muitos resultados. Lembre-se sempre que, se precisar de algo estou aqui e assine nossa “Lista VIP” para receber dicas e ações em primeira mão 🙂

Enviar comentário

comentários